TRANSPOSIÇÃO: Governo realiza abertura oficial do processo

Porto Velho, Rondônia:

Uma economia de mais de R$ 700 milhões ao ano. Esta é a estimativa do governo estadual com a transposição de mais de 20 mil servidores do quadro do Estado para a União. Na manhã desta quarta-feira (11), na sala de processos da Secretaria de Estado de Defesa e Cidadania (Sesdec) foi dado mais um passo para a efetivação do processo. O governador Confúcio Moura assinou o decreto que marca a abertura oficial do início da transposição e estabelece normas para que isso ocorra.

Segundo o secretário de Estado de Administração (Sead), Rui Vieira, o processo está avançando e da parte do Estado está tudo pronto para que o sonho de milhares de servidores se concretize.

Vieira apresentou aos convidados e imprensa toda a tramitação do processo. Segundo ele, várias reuniões foram feitas na capital e no interior para informar o servidor e tirar dúvidas. “Reunimos os servidores, os sindicatos. São mais de 20 mil processos, um trabalho feito com critério por uma equipe composta por dez servidores estaduais e dez federais. Todos os processos foram analisados e preparados”, disse o secretário.

O coordenador estadual da transposição, Cícero Evangelista, entregou ao governador Confúcio Moura o primeiro processo de transposição. Nesta quinta-feira, o governador estará em Brasília, onde vai apresentar os trabalhos realizados em Rondônia, entregar o decreto e pedir agilidade. “Vamos colocar a máquina em movimento, não podemos mais aceitar essa demora”, disse Confúcio.

O governador falou ainda da economia que vai gerar para o Estado. “A transposição vai gerar uma economia de mais de R$ 700 milhões ao ano, dinheiro esse que será revertido para melhorar as questões salariais, além de investimentos em outros setores do Estado”.

No Portal do Servidor pode se obter acesso a notícias e informações sobre a transposição. Além disso, o servidor pode tirar dúvidas. Para isso, basta acessar o site www.portaldoservidor.ro.gov.br.

Publicado em Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.