SINTEC PARTICIPA DO 1º CONSAT NO ESTADO DO AMAZONAS

Com o objetivo de discutir os rumos para a nova Administração Tributária no Brasil, especialmente o impacto da Lei Orgânica da Administração Tributária nas Carreiras Fazendárias a nível nacional, a diretoria do SINTEC compareceu no 1º CONSAT realizado nos dias 16 e 17 de Dezembro na cidade de Manaus-AM, a convite do Sindicato dos Fazendários do Estado do Amazonas-SIFAM, para ministrar uma das palestras apresentadas no evento. Ao todo, o SIFAM convidou 20 sindicatos e centrais sindicais representantes de servidores fazendários estaduais, além do SINDIRECEITA que representa os Analistas Tributários da Receita Federal do Brasil.
 
No encontro foram abordados temas importantes como a luta dos fazendários contra a exclusão e a concentração de poder no fisco, o impacto da lei orgânica na administração tributária e a necessidade de preservar e valorizar os atuais cargos integrantes das carreiras fazendárias, dentre outros.
 
Ao final dos importantes debates, os sindicatos presentes manifestaram a preocupação e a necessidade de se fundar uma Federação Nacional de Servidores Fazendários, com o objetivo de representar nacionalmente tais servidores, sobretudo nas discussões da Lei Orgânica no Congresso Nacional, visando impedir que tal projeto venha a prejudicar os atuais integrantes das carreiras dos fiscos das três esferas de poder.
 
A avaliação final dos participantes foi a de que o 1º CONSAT atingiu o seu objetivo com sucesso, e representa um importante passo rumo à integração dos servidores fazendários a nível nacional na luta pelo seu espaço e por sua valorização.
 
A diretoria do SINTEC-RO agradeceu a oportunidade de participação neste grande evento e firmou o compromisso de comparecer aos próximos encontros, principalmente para dar seguimento à fundação da Federação.
Publicado em Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.